Busca no site: 

Curso de Administração




O Curso

O município de Belém tem a população estimada, em 2005, pelo IBGE, em 1.405.871 habitantes, dos quais 296 mil na faixa etária própria para ingresso no ensino superior.

Em 2004, concluíram o ensino médio 96.881 estudantes.

O munic√≠pio de Bel√©m possui dezessete institui√ß√Ķes de ensino superior, sendo quatro p√ļblicas (tr√™s federais e uma estadual) e tr√™s mantidas pela iniciativa privada, das quais uma universidade, um centro universit√°rio e onze institui√ß√Ķes n√£o universit√°rias (dados do Inep).

Essas IES ministram 14 cursos de graduação em Administração, em 2006, segundo dados do cadastro Inep, ofertando, anualmente, 2.600 vagas.

O Estado do Par√°, segundo dados do IBGE de 2004, possuem 35 mil unidades de com√©rcio em geral; 2.094 na √°rea de turismo e hospitalidade; 2.478 empresas de transportes e armazenagem; 1.639 institui√ß√Ķes de intermedia√ß√£o financeira; 5.020 escrit√≥rios de corretagem imobili√°ria e similares; 1.903 estabelecimentos de ensino, em todos os n√≠veis; 1.384 estabelecimentos na √°rea da sa√ļde, incluindo hospitais; e 8.260 empresas que desenvolvem servi√ßos diversos. O agroneg√≥cios √© representado por mais de 800 unidades; a ind√ļstria em geral por 1.985 unidades; a ind√ļstria de constru√ß√£o com 1.961 empresas construtoras; a de extra√ß√£o com 183 unidades; e a de transforma√ß√£o com 5.830 unidades.

Verifica-se, portanto, que o Administrador tem amplo mercado de trabalho no Estado do Pará. As vagas ofertadas atualmente não são suficientes para atender à demanda regional para o curso de graduação em Administração, tendo em vista o alto nível de empregabilidade dos Administradores.

O Instituto Euro-Americano de Educa√ß√£o, Ci√™ncia e Tecnologia, com a experi√™ncia consolidada em uma IES reconhecida pela Minist√©rio da Educa√ß√£o ‚Äď o Centro Universit√°rio Euro-Americano, de Bras√≠lia ‚Äď, avaliando o cen√°rio da educa√ß√£o superior em Bel√©m e regi√£o e as condi√ß√Ķes s√≥cio-econ√īmicas do Estado do Par√°, deliberou implementar o curso de gradua√ß√£o em Administra√ß√£o em Bel√©m, a ser ministrado pela Faculdade Metropolitana da Amaz√īnia, conforme o presente projeto pedag√≥gico.


Concepção do Curso


O presente curso de Administração foi concebido para:

* formar profissionais que possam ser excelentes condutores de pessoas e equipes, criar o seu pr√≥prio neg√≥cio bem como liderar empreendimentos e organiza√ß√Ķes de terceiros;
* que saibam recrutar, inspirar, motivar e recompensar equipes e pessoas, de forma justa;
* que assumam o papel saliente de impulsionador de mudan√ßas, inclusive nos momentos de crises econ√īmicas nacionais;
* que estejam compromissados com a forma√ß√£o cont√≠nua ‚Äď sua e de sua equipe.

As organiza√ß√Ķes necessitam de l√≠deres e gestores que possuam habilidades para atua√ß√£o eficiente nesses tempos de constantes mudan√ßas e transforma√ß√Ķes radicais.

Para a Faculdade Metropolitana da Amaz√īnia, o ensino das Ci√™ncias Gerenciais no Brasil deve contribuir criativamente para o desenvolvimento da sociedade brasileira moderna, adaptando-se √†s inova√ß√Ķes do conhecimento e absorver, ao mesmo tempo, as condi√ß√Ķes tecnol√≥gicas b√°sicas para a acumula√ß√£o de informa√ß√Ķes e conhecimento que respondam √†s exig√™ncias de seu pr√≥prio desenvolvimento e expans√£o. Desta forma, se, por um lado, precisa contribuir para consolidar novos institutos gerenciais como instrumentos de viabiliza√ß√£o das demandas sociais emergentes e do acelerado processo integrativo das sociedades modernas, por outro lado, precisa estar integrado e voltado para as quest√Ķes essenciais dos problemas e demandas regionais de desenvolvimento.

O curso de Administra√ß√£o √© concebido para viabilizar a conviv√™ncia harm√īnica entre o saber tradicional e dogm√°tico, o saber human√≠stico interdisciplinar, como seu fundamento de origem e o saber cient√≠fico e tecnol√≥gico.

Sendo assim, voltar√° suas atividades acad√™mico-cient√≠ficas para oferecer ensino que gere a√ß√Ķes inovadoras em todas as disciplinas e atividades, tornando a investiga√ß√£o cient√≠fica sua base.

Considerando como foco o desenvolvimento do profissional habilitado em todas as áreas de atuação do Administrador, traduz este conceito como o compromisso com a inovação, e o preparo para realizá-la.

Dessa forma, concebe a forma√ß√£o do Administrador de fundamental import√Ęncia para o fomento das novas oportunidades de mercado, para a busca de modernos direcionamentos de gest√£o sintonizados com as demandas sociais.

Dolabela (in ‚ÄúOficina do Empreendedor‚ÄĚ, p.30, 1999), identifica o desenvolvimento econ√īmico diretamente relacionado com o grau de empreendedorismo de uma comunidade. O processo de desenvolvimento √© manifestado levando em conta as condi√ß√Ķes favor√°veis que s√£o impulsionadas, aproveitadas e coordenadas por egressos do curso de Administra√ß√£o cujo perfil, lideran√ßa e condutas inovadoras impulsionam o crescimento, promovem inova√ß√Ķes tecnol√≥gicas, criando novos valores para o indiv√≠duo e para a sociedade.

A Faculdade Metropolitana da Amaz√īnia pretende atuar na forma√ß√£o de profissionais compromissados com o desenvolvimento sustentado da regi√£o, qualificados para a implementa√ß√£o de novos neg√≥cios em sintonia com os modelos econ√īmicos que se estruturam a partir das necessidades sociais regionais.

Em sua estrutura, o curso está direcionado para a formação integral do aluno de modo a:

* criar em cada aluno, mentalidade apta a captar as m√ļltiplas express√Ķes da justi√ßa, da legitimidade, da eq√ľidade, da √©tica, da igualdade e da liberdade, oportunizando viv√™ncias em semin√°rios, confer√™ncias nacionais, congressos e palestras, ambientes estes que se constituem grandes facilitadores do aprendizado;
* imprimir linhas de pensamento claras, plurais, de modo a permitir atitudes de interven√ß√£o e manifesta√ß√£o perante os grandes problemas da atualidade e, conseq√ľentemente, indicar solu√ß√Ķes novas e media√ß√Ķes eficazes para os novos conflitos e problemas sociais;
* assumir a possibilidade do uso da tecnologia para a configura√ß√£o de postula√ß√Ķes e entendimentos novos;
* introduzir, na dimensão técnica da formação profissional, o tratamento interdisciplinar dos conceitos e de sua contextualização nos estudos do desempenho pedagógico, da qualificação docente e da pesquisa;
* desenvolver atualiza√ß√£o t√©cnica e pr√°tica para determinar estrat√©gias de moderniza√ß√£o das formas do exerc√≠cio profissional e preservar a representatividade pol√≠tica, social e econ√īmica da classe dos administradores no dinamismo do sistema produtivo.

O curso de gradua√ß√£o em Administra√ß√£o deve, em s√≠ntese, ensejar, como perfil desejado do formando, capacita√ß√£o e aptid√£o para compreender as quest√Ķes cient√≠ficas, t√©cnicas, sociais e econ√īmicas da produ√ß√£o e de seu gerenciamento, observados n√≠veis graduais do processo de tomada de decis√£o, bem como para desenvolver gerenciamento qualitativo e adequado, revelando a assimila√ß√£o de novas informa√ß√Ķes e apresentando flexibilidade intelectual e adaptabilidade contextualizada no trato de situa√ß√Ķes diversas, presentes ou emergentes, nos v√°rios segmentos do campo de atua√ß√£o do administrador.

A organiza√ß√£o curricular contempla componentes curriculares adequados √†s caracter√≠sticas regionais e voltados para o desenvolvimento sustent√°vel. Ao lado dos conte√ļdos previstos nas diretrizes curriculares nacionais, o curr√≠culo do curso √© integrado pelas seguintes disciplinas, vinculadas √†s caracter√≠sticas s√≥cio-econ√īmicas da regi√£o: Ecologia e Meio Ambiente, Gest√£o Ambiental, Com√©rcio Exterior, Inova√ß√£o e Tecnologia e Gest√£o do Turismo.

Justifica-se, portanto, a cria√ß√£o do presente curso de gradua√ß√£o em Administra√ß√£o, que nasce compromissado com o desenvolvimento regional sustentado, no contexto dos demais cursos e programas de educa√ß√£o superior da Faculdade Metropolitana da Amaz√īnia.


Objetivos

Objetivo Geral

Formar profissionais capazes de aliar a competência profissional a uma consciência crítica, contemplando as tendências que regem a produção do saber nas áreas do conhecimento da Administração, para a aquisição das habilidades específicas do profissional nele formado, e principalmente a construção do espírito empreendedor que possa gerar o crescimento e desenvolvimento social e preparar, em sentido amplo, o ser humano para a vida.

Objetivos Específicos

Formar o Administrador apto a:

* planejar, supervisionar, orientar e controlar em todas as áreas da Administração;
* interagir criativamente face aos diferentes contextos organizacionais e sociais;
* lidar com modelos de gestão inovadores, com capacidade de atuação em ambientes favoráveis, incentivando e ampliando oportunidades de criação de novos negócios que influenciem no avanço da sociedade, principalmente atingindo as necessidades da comunidade de Belém e região;
* contribuir para o desenvolvimento sustentado da regi√£o.


Perfil do Egresso

O curso de gradua√ß√£o em Administra√ß√£o da Faculdade Metropolitana da Amaz√īnia deve possibilitar a forma√ß√£o de profissional que revele, pelo menos, as seguintes compet√™ncias e habilidades:

* reconhecer e definir problemas, equacionar solu√ß√Ķes, pensar estrategicamente, introduzir modifica√ß√Ķes no processo produtivo, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e exercer, em diferentes graus de complexidade, o processo da tomada de decis√£o;
* desenvolver express√£o e comunica√ß√£o compat√≠veis com o exerc√≠cio profissional, inclusive nos processos de negocia√ß√£o e nas comunica√ß√Ķes interpessoais ou intergrupais;
* refletir e atuar criticamente sobre a esfera da produção, compreendendo sua posição e função na estrutura produtiva sob seu controle e gerenciamento;
* desenvolver racioc√≠nio l√≥gico, cr√≠tico e anal√≠tico para operar com valores e formula√ß√Ķes matem√°ticas presentes nas rela√ß√Ķes formais e causais entre fen√īmenos produtivos, administrativos e de controle, bem assim expressando-se de modo cr√≠tico e criativo diante dos diferentes contextos organizacionais e sociais;
* ter iniciativa, criatividade, determina√ß√£o, vontade pol√≠tica e administrativa, vontade de aprender, abertura √†s mudan√ßas e consci√™ncia da qualidade e das implica√ß√Ķes √©ticas do seu exerc√≠cio profissional;
* desenvolver capacidade de transferir conhecimentos da vida e da experiência cotidianas para o ambiente de trabalho e do seu campo de atuação profissional, em diferentes modelos organizacionais, revelando-se profissional adaptável;
* desenvolver capacidade para elaborar, implementar e consolidar projetos em organiza√ß√Ķes; e
* desenvolver capacidade para realizar consultoria em gestão e administração, pareceres e perícias administrativas, gerenciais, organizacionais, estratégicos e operacionais.

A forma√ß√£o geral densa de um profissional voltado √† realidade Amaz√īnica, apto a organizar e atuar em empresas (micros, pequenas e m√©dias) e em organiza√ß√Ķes governamentais e n√£o-governamentais.

COORDENAÔŅĹÔŅĹO:

Profa. M.Sc. Maria das Graças dos Santos Vilhena




DURAÔŅĹÔŅĹO DO CURSO:

8 Semestres

TITULAÔŅĹÔŅĹO:

Curso de Administração

UNIDADE - VAGAS (TURNOS)

100 Vagas Semestrais , sendo 50 no período vespertino e 50 no período noturno.

LEGISLAÔŅĹÔŅĹO:

Portaria SESU 738, DE 23.08.2007 (DOU, Seção 1, de 24.08.2007).

FAMAZ - Faculdade Metropolitana da Amazônia

Avenida Visconde de Souza Franco, nº 72, bairro Reduto (Doca) - Belém-PA
Telefones - 0xx91 3222-7560 e 0xx91 3222-7559